segunda-feira, 24 de novembro de 2014

História da E.M. Expedicionário Aquino de Araújo- Duque de Caxias- RJ.


A Escola Expedicionário de Araújo surgiu primeiramente bem pequena e acolhedora no bairro do Engenho do Portona cidade de Duque de Caxias. Com a colaboração de um grupo de moradores da região, do Sr. Antônio Correia Lima e da dedicação de D. Josefina Toste Barbosa.
O nome do nosso patrono o jovem Aquino de Araújo, era capixaba mas residia em Duque de Caxias quando foi convocado para lutar nos campos de batalha na Itália durante a II Guerra Mundial.
Com a necessidade de ampliação e criação de um ginásio em nossa escola, foi transferida pelo então prefeito Francisco Correia para o Bairro da Vila São Luís aonde funcionava a escola a E.M. Alberto Torres.
No ano de 1956 a prefeitura encampou a Escola criada pelo Decreto nº 156 de 07/03/1956.
A escola teve como primeiro diretor o profº Álvaro Lopes. Hoje nossa escola é dirigida pelo professor João Baptista Arcanjo de Oliveira que também foi administrador da escola nos anos de 1997 a 2005 com o seu retorno na gestão desta Unidade Escolar em agosto de 2013. Nossa escola possui atualmente cerca de 1000 alunos de 5ºAE ao 9ºAE com 80 professores e 30 funcionários. Nosso prédio possui 15 salas de aula, um laboratório de informática, uma sala de leitura, um laboratório de ciências, sala de arte e da banda Ases Indomáveis, uma quadra de esportes, sala de orientação pedagógica e direção, refeitório e auditório para 200 pessoas.
A participação junto a comunidade continua sendo o nosso diferencial, possuímos uma Associação de Ex - Alunos com sede em nossa escola, um Conselho Escolar atuante que busca melhores perspectiva e desenvolvimento no dia a dia. Trabalhamos com a participação e representação de professores e alunos representantes, não só na avaliação do trabalho, mas também em prol de uma escola acolhedora, parceira e voltada para as necessidades do século XXI.
Maria Fatima Martins D’Aqui - OP
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário